Alien 40 Anos: os melhores quadrinhos publicados no Brasil

Nesse aniversário de 40 anos da estreia de Alien, o Oitavo Passageiro, muito se fez com a criatura de sangue ácido e não estamos falando somente do cinema. O xenomorfo tem presença constante no mundo das histórias em quadrinhos, protagonizando diversas minisséries.

Publicados pela editora Dark Horse, nos Estados Unidos, desde 1988, os gibis do Alien narram encontros de humanos e monstros das mais variadas formas. Sempre em arcos fechados, as HQs costumam trazer elementos familiares para os fãs da franquia cinematográfica, como a ambientação das naves, a companhia Weiland-Yutani e até alguns personagens.

Prepare-se para conhecer o grandioso universo de Alien expandido nos quadrinhos! (Foto: Dark Horse)

As revistas do Alien foram ganhando tanta importância que logo, como se espera de um personagem de HQ, o monstro passou a estrelar uma imensa variedade de crossovers, sendo os mais famosos com Predador, em uma rivalidade que chegou às telonas por duas vezes – sem agradar muitos aos fãs em ambas as ocasiões, mas chegou.

Além disso, há explosivos encontros do Alien com super-heróis de vários universos. Batman, Superman, Lanterna Verde e até Juiz Dredd já tiveram sua cota de aborrecimentos causados pela criatura de boca dupla. Seja em seu universo ou se adaptando a outros, a verdade é que o Alien tem ótimas HQs e nós listamos algumas para você garimpar em sebos e comic shops. Confira!

Aliens

A história que começou a odisseia do Alien nos quadrinhos foi publicada aqui no início dos anos 1990 ainda pela Abril, primeiro em uma minissérie em 3 edições e depois em um encadernado. Na trama, escrita por Mark Verheiden e maravilhosamente ilustrada em preto e branco por Mark A. Nelson, vemos dois sobreviventes de Aliens, o Resgate: o Cabo Hicks e a menina Newt – já crescida – tendo que reviver antigos pesadelos e encarar as criaturas 10 anos depois, só que desta vez em seu suposto planeta natal. E, como se não bastasse, há um culto religioso pregando que os bichos serem a salvação da humanidade.

Aliens – Edição Especial

Saiu em 1999 como uma coletânea de narrativas curtas de diversos autores pela Atitude Publicações. A HQ especula a origem da criatura, incluindo planeta de origem e possíveis predadores naturais em “Teoria da Propagação Alienígena”, um inusitado conto chamado “Ceifadores”, no qual o os ovos do Alien são procurados por outra raça e tratados como iguaria gastronômica e a história em duas partes “Chegada e Término” que oferece suspense, terror e pessimismo para fã nenhum botar defeito.

Alien versus Predador

Um dos melhores embates entre as duas criaturas saiu aqui primeiro como minissérie em duas edições e depois num encadernado da Mythos Editora. O roteiro de Ian Edginton e a arte de Alex Mallev colocam as duas espécies para brigar no Japão e, para variar, é a raça humana quem fica no fogo cruzado. Enquanto a jornalista Rebecca McBride lutando para sobreviver ao confronto, empresário ganancioso Gideonh Sunh Lee sonha em lucrar com essa história.

Super-Homem versus Aliens

No primeiro crossover da criatura espacial com super-heróis, ela já foi de cara com o Homem de Aço. Mas, até aí nenhum desafio para ele, certo? Poderia até ser, se Dan Jurgens não escrevesse e desenhasse uma história tão bem amarrada, que flerta com elementos da franquia, como o terror e o mal humano, e ainda leva o Superman ao limite de suas forças físicas e mentais, à medida que enfrenta risco real de morte. Aqui, ela veio em 1997 (quando o nome do super-herói da DC Comics era traduzido) e recebeu tratamento de luxo nas bancas, com direito a banners com o Alien saindo do meio do “S” no peito do Azulão.

Juiz Dredd versus Aliens

O bom juiz já se deparou com os monstros à solta por Mega City Um em uma aventura frenética e violenta, com boas doses de suspense. Escrita por Jonh Wagner e Andy Diggle, a HQ é a prova que nem toda a tecnologia e arsenal do mundo facilitam a caçada à criatura depois que ela começa a se adaptar ao ambiente. Principalmente, se ele for uma gigantesca metrópole superpovoada por hospedeiros em potencial. A história, ilustrada por Henry Flint e Chris Blyth, chegou pela Mythos Editora em duas partes e, mais tarde, encadernada com uma aventura de Dredd contra o Predador.

Wild C.A.T.S. & Aliens

O supergrupo criado por Jim Lee na década de 1990 protagoniza um dos encontros mais inusitados e criativos do Alien. Enviados à Estação Espacial Skywatch, base do Stormwatch (equipe de superseres financiada pela ONU), o time de Grifter, Devota e companhia se reúne após de um tempo separado para investigar a situação. O que encontram é um dos maiores grupos da extinta editora Wild Storm dizimados pelas criaturas. O mais incrível é que a história, escrita por Warren Ellis e desenhada por Chris Sprouse, pertence ao cânone das equipes e é a razão do Stormwatch ter acabado. Bem pensado, não?

Batman/Aliens

O Morcegão já enfrentou os monstros em dois encontros, sendo o primeiro – o qual já falamos aqui – o melhor deles. Publicado pela Abril tanto em duas edições quanto em encadernado, a HQ acerta em cheio no tom sombrio da narrativa e na arte. Pena que o segundo encontro do Batman com a criatura – que também saiu aqui no formato de minissérie – não seja tão memorável quanto o primeiro, ainda que seja uma boa história.

Curtiu as HQs do Alien? Então saiba que essa não é a única mídia na qual a criatura aparece além do cinema. Mas esse é assunto para outra matéria do nosso Especial Alien 40 Anos.

Comentários
Carlos Bazela

Carlos Bazela

Jornalista e leitor compulsivo, gosta de cerveja, café e chá preto não necessariamente nessa ordem. Fã de boas histórias, principalmente daquelas contadas por meio de desenhos e balões.

Comentários estão fechados.