Viúva Negra: 4 quadrinhos para conhecer a espiã

O filme da Viúva Negra (leia nossa crítica) já está liberado no catálogo do streaming Disney+ e, além de permitir ao público se despedir de Natasha Romanoff, apresenta também a figura de Yelena Belova – que deve assumir o uniforme e codinome da heroína no cinema e nas séries. E, se você gostou desse universo de espionagem em que habita a Viúva Negra ou quer conhecer melhor as duas versões da espiã, preparamos uma lista de histórias em quadrinhos essenciais para a sua leitura! Confira logo abaixo:

Viúva Negra: A Mais Fria das Guerras

Publicada originalmente em 1990, a narrativa trazida ao Brasil pela Abril em 1991 tem Natasha Romanoff atraída a realizar missões para agentes da KGB para, em troca, conseguir salvar a vida de seu amor, Alexi Shostakov (o Guardião Vermelho). Incerta sobre os propósitos de seus supostos benfeitores, a protagonista precisa colocar em prática todas as suas habilidades para evitar ser incriminada e ainda impedir o roubo de tecnologia americana pelos soviéticos.

O roteiro é assinado por Gerry Conway (Conan, O Bárbaro) e os desenhos são de George Freeman (Elric – Navegante dos Mares).

Viúva-Negra: A Guerra Biológica

O encadernado publicado pela Panini reúne histórias de 1999, 2001 e 2002, de autoria de Devin K. Grayson (A Guerra Biológica e A Outra Face) e Greg Rucka (A aranhinha branca). Com 228 páginas, a edição traz o primeiro encontro entre Natasha e Yelena como adversárias. Esta é uma ótima leitura para quem procura saber mais sobre Belova, uma vez que são explorados seus traumas e a obsessão de superar a veterana, uma vez que Yelena também foi treinada pela Sala Vermelha.

A Teia da Viúva Negra

O quadrinho escrito por Jody Houser (Madre Pânico) e ilustrado por Stephen Mooney (Batman: Origens Secretas) coloca a Romanoff como principal suspeita de uma série de assassinatos de antigos clientes. Para se livrar das acusações e capturar quem está por trás dessa conspiração, a espiã precisa testar a confiança de seus principais aliados, como Gavião Arqueiro, Soldado Invernal, Homem de Ferro e a outra Viúva Negra, Yelena Belova.

Para esta trama, é interessante a leitura prévia de Gavião Arqueiro & Soldado Invernal.

Viúva-Negra: Jogo Sem Restrições

As roteiristas Jen e Sylvia Soska (dupla de Guerras Secretas), com grande apoio da arte de Flaviano Armentaro (Carnificina Absoluta: Contos Sangrentos), transportam Romanoff para uma Madripoor iluminada por luzes de neon e banhada por porções de sangue.

A trama tem a heroína tentando sanar sua sede de sangue (efeito de sua ressureição após os eventos de Império Secreto). Para isso, nada melhor do que detonar a ilha de criminosos à procura dos responsáveis por um programa que tortura crianças para exibição online.

Next Post

Free-to-play, Century: Age of Ashes chega em novembro

Primeiro jogo free-to-play da Playwing Bordeaux, Century: Age of Ashes será lançado para PC em 18 de novembro com versão em português. Nos últimos meses, a equipe de desenvolvimento analisou o feedback dos jogadores sobre o segundo Closed Beta e decidiu dedicar um tempo extra para melhorar o jogo antes […]
Century: Age of Ashes chega em novembro para PC