Anime Friends 2018: Jump Force traz combate épico entre titãs dos mangás

Realizado de 6 a 9 de julho, no Pavilhão do Anhembi, em São Paulo, o Anime Friends 2018 presenteou mais de 50 mil visitantes com a oportunidade de conferir em primeira mão o game Jump Force, um dos grandes destaques da E3 2018 – a maior feira de jogos do mundo. Disponível em três máquinas no estande da Bandai Namco Entertainment, o título foi disponibilizado em uma demo jogável, na qual o público pôde testar as mecânicas e possibilidades do ambicioso projeto que chegará para Playstation 4 e Xbox One 2019.

Para quem encarou as curtas filas de espera, a recompensa foi entrar no duelo travado entre Goku e Freeza, da franquia Dragon Ball, Luffy e Zoro, de One Piece, e Naruto e Sasuke, de Naruto (é claro!). Na prática, Jump Force transporta os jogadores para confrontos em trios, com personagens escolhidos livremente – desde que não eles sejam repetidos. Enquanto rola a pancadaria – em duas arenas abertas –, é possível executar alguns dos golpes mais populares de cada personagem, assim como o revezamento entre seus lutadores.

Crossover mais ambicioso da história? Pode apostar que sim! (Foto: Divulgação)

Diferente de produções como Dragon Ball FighterZ – que adotam o modelo 2D –, Jump Force propõe combates em ringues espaçosos, nos quais os gamers poderão desenvolver estratégias ofensivas e defensivas mais elaboradas, dependendo dos guerreiros selecionados. Porém, em sua versão para o console da Microsoft – opção na área da Bandai –, o game se atém ao básico, mantendo-se na clássica dinâmica de enchimento da barra de energia para utilização de habilidades especiais, que podem ser liberadas com o apertar de poucos botões.

Em gráficos caprichados, a reunião dos maiores personagens de mangás promete!

 

Comentários
Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM e fundador do Boletim Nerd. Foi colaborador da Coluna Mundo Geek, da GloboNews, e foi palestrante na Campus Party Brasil. Realizou a cobertura da Comic Con Experience, Brasil Game Show e Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Comentários estão fechados.