Novos heróis e vilões estreiam na segunda temporada de The Flash

The Flash caracterizou-se pelo clima leve, jovem e divertido nos 23 capítulos iniciais. Esqueça tudo isso, por enquanto. No episódio “The Man Who Saved Central City”, o primeiro da segunda temporada, o público irá se deparar com um Barry Allen/The Flash (Grant Gustin, de Glee) pessimista, depressivo e tentando lidar com as consequências dos eventos de “Fast Enough” – em que os planos do antagonista do Eobard Thawne (Matt Letscher, de Ela) culminaram em um buraco negro (chamado de “singularidade”), que quase engoliu Central City.

Seis meses após estes acontecimentos, o protagonista passa a recusar qualquer ajuda de Cisco (Carlos Valdes, de Arrow) e Caitlin (Danielle Panabaker, de Instinto Secreto), embora a cidade considere o velocista um verdadeiro herói e até comemore o Flash Day. O comportamento de Barry é explicado pela culpa devido ao sumiço de Ronnie Raymond (Robbie Amell, de The Tomorrow People), recém-casado com Caitlin e parte de Nuclear, dado como uma das vítimas da tragédia.

Jay Garrick (Sears) é uma das novidades da segunda temporada de The Flash.

Jay Garrick (Sears) é uma das novidades da segunda temporada de The Flash.

À medida que se ocupa com casos de polícia com Joe (Jesse L. Martin, de Código de honra) e trabalha na reconstrução de comércios afetados pela singularidade, Barry é encontrado por um novo e poderoso meta-humano e mede forças com o malvado. Inicialmente, Flash perde para o superser e a equipe precisa se juntar mais uma vez, incluindo Iris West (Candice Patton, de The Game) e o Dr. Martin Stein (Victor Garber, de Alias:Codinome Perigo), cientista que, ao lado de Ronnie, forma o herói Nuclear.

As surpresas do episódio ficam para o final, quando Barry Allen descobre que o Dr. Harrison Wells (Tom Cavanagh, de Zé Colmeia: O Filme) lhe deixou os laboratórios S.T.A.R. e confessou o assassinato de sua mãe, Nora (Michelle Harrison, de Continuum). Com isso, Henry Allen (John Wesley Shipp, da série The Flash, dos anos 1990) é liberado da prisão de Iron Heights após cumprir 14 anos de sentença injusta.

O vilão Zoom (Todd) em uma de suas primeiras aparições.

O vilão Zoom (Todd) em uma de suas primeiras aparições.

Por fim, depois da referência feita na temporada anterior, surge Jay Garrick (Teddy Sears, de Masters of Sex), o Flash da Era de Ouro, afirmando que o mundo está correndo perigo. A ameaça é representada pelo misterioso Zoom/Zolomon Hunter (Tony Todd, de Chuck), vilão cuja participação acarretará na chegada do jovem Wally West (Keiynan Lonsdale, de Insurgente), isto é, o terceiro Flash.

Leia mais sobre The Flash.

Comentários
Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM e fundador do Boletim Nerd. Foi colaborador da Coluna Mundo Geek, da GloboNews, e foi palestrante na Campus Party Brasil. Realizou a cobertura da Comic Con Experience, Brasil Game Show e Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Comentários estão fechados.