Netflix anuncia série em live-action de Resident Evil

É oficial! A Netflix anunciou nesta quinta-feira a produção de uma série em live-action inspirada na franquia de games Resident Evil, da Capcom. A produção, que terá oito episódios de duração, contará com Andrew Dabb (Supernatural) como showrunner, produtor executivo e roteirista e Bronwen Hughes (The Walking Dead) como produtora executiva e diretora dos dois primeiros capítulos.

“Resident Evil é, disparado, o meu game favorito. Estou muito animado para contar um novo capítulo dessa história incrível e fazer a primeira série da franquia para os assinantes da Netflix em todo o mundo. Estamos pensando em todos os tipos de fãs de Resident Evil, inclusive nos novos, e faremos uma série completa, cheia de velhos amigos, banhos de sangue e loucuras inéditas”, disse Dabb.

Imagem promocional de Resident Evil na Netflix

A Netflix liberou a imagem do roteiro do primeiro episódio da série. (Foto: Divulgação)

Confira a sinopse:

“Baseada em um dos games de terror de sobrevivência mais bem-sucedidos de todos os tempos, Resident Evil contará uma nova história a partir de duas cronologias: na primeira, as irmãs de 14 anos Jade e Billie Wesker se mudam para New Raccoon City, uma cidade mecânica e corporativa que se impõe a elas justamente no auge da adolescência. Com o passar do tempo, Jade e Billie percebem que a selva de pedras é mais do que isso e descobrem que o pai pode estar escondendo segredos sombrios capazes de destruir o mundo.

Já na segunda cronologia, mais de dez anos depois, a Terra tem menos de 15 milhões de habitantes e mais de 6 bilhões de monstros: pessoas e animais infectados pelo T-vírus. Jade, agora com 30 anos, luta para sobreviver nesse novo mundo enquanto é assombrada por segredos do passado que envolvem sua irmã e seu pai.”

Comentários
Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM e fundador do Boletim Nerd. Foi colaborador da Coluna Mundo Geek, da GloboNews, e foi palestrante na Campus Party Brasil. Realizou a cobertura da Comic Con Experience, Brasil Game Show e Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Comentários estão fechados.