Mogli: O Menino Lobo é a adaptação definitiva do clássico infantil

Depois de Malévola (2014) e Cinderela (2015), Mogli: O Menino Lobo (The Jungle Book, EUA, 2016) é o novo clássico da literatura a ganhar uma adaptação para os cinemas, com interpretação não tão infantil. Protagonizado pelo estreante Neel Sethi – escolhido para o papel de Mogli entre milhares de outros concorrentes –, o filme apresenta alta tecnologia nos efeitos visuais e o dinamismo da direção de Jon Favreau (Homem de Ferro) para transformar o conto escrito por Rudyard Kipling em uma superprodução em live-action.

Com os experientes Ben Kingsley (A Lista de Schindler), Idris Elba (Círculo de Fogo), Bill Murray (Os Caça-Fantasmas), Lupita Nyong’o (Star Wars: O Despertar da Força), Giancarlo Esposito (Breaking Bad), Scarlett Johansson (Vingadores: Era de Ultron) e Christopher Walken (Click) dublando os personagens principais, o título da Walt Disney traz um elenco de qualidade excepcional. Além disso, na versão em português, Mogli: O Menino Lobo tem as vozes de Marcos Palmeira, Dan Stulbach, Thiago Lacerda, Julia Lemmertz, Alinne Moraes e Tiago Abravanel.

THE JUNGLE BOOK - (PICTURED) SHERE KHAN. ©2106 Disney Enterprises, Inc. All Rights Reserved.

Shere Khan (Alba) é o vilão da selva e tem um histórico ruim com humanos. (Fotos: Disney)

Na trama, Mogli é um órfão que foi encontrado na selva pela sábia pantera Bagheera (Kingsley) quando ainda era bebê, e entregue aos cuidados dos lobos Akela (Esposito) e Raksha (Nyong’o). Criado com a alcateia e seus ensinamentos, Mogli tem dificuldades para se adaptar ao grupo, uma vez que sua natureza humana tende a prevalecer sobre o comportamento animal, pelo qual é cobrado para poder continuar vivendo na floresta.

Tudo piora quando um longo período de seca atinge a região habitada por Mogli, pois, na chamada Trégua da Água (antigo pacto de paz em que todos os animais juntam-se para beber), o tigre Shere Khan (Alba) fareja o garotinho e ameaça iniciar uma matança quando a chuva retornar e o acordo pacífico terminar. Sem entender por que é alvo da raiva do cruel predador, Mogli se vê obrigado a deixar sua família adotiva e procurar um lugar na vila dos homens. Começa, então, a jornada do “menino lobo” pelo mundo selvagem.

Mogli O Menino Lobo 01

Raksha (Nyong’o) e Mogli (Sethi) são como mãe e filho. (Foto: Disney)

Em 1 hora de 45 minutos de duração, por vezes ao lado de Bagheera, que atua como seu tutor, Mogli se depara com personagens como Kaa (Johansson), uma cobra hipnótica, Louie (Walken), o orangotango monarca, e Baloo (Murray), um urso-preguiça canastrão. Num trabalho cuidadoso, estas figuras exibem traços similares a seus respectivos intérpretes e ensinam a Mogli lições sobre aceitação, gentileza, coragem e que boas amizades podem nascer de onde menos se espera.

Carregando leves influências de O Rei Leão (a debandada no desfiladeiro é apenas um exemplo), Mogli: O Menino Lobo irá conquistar as crianças e os adultos por apresentar uma aventura que faz jus ao livro, entregar belas mensagens e levar para as telonas toda a força da natureza.

THE JUNGLE BOOK - (L-R) BAGHEERA, BALOO, MOWGLI and RAKSHA. ©2016 Disney Enterprises, Inc. All Rights Reserved.

Apesar de preguiçoso, o urso Baloo (Murray) se mostra um valioso aliado de Mogli (Sethi). (Foto: Disney)

Se mantiverem a qualidade de Mogli: O Menino Lobo, mais adaptações de clássicos infantis serão bem-vindas.

Mogli: O Menino Lobo estreia nesta quinta-feira (14/04).

Comentários
Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM e fundador do Boletim Nerd. Foi colaborador da Coluna Mundo Geek, da GloboNews, e foi palestrante na Campus Party Brasil. Realizou a cobertura da Comic Con Experience, Brasil Game Show e Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Comentários estão fechados.