Luzes no Céu: Fireworks dá valor a pequenos momentos de amor

Sabe aqueles momentos que temos para nos declarar a alguém, ajudar a pessoa querida ou simplesmente aproveitar uma companhia especial? Eles sempre passam tão rápido que, se você não prestar atenção, pode até acabar perdendo uma valiosa oportunidade. Mas, se pudesse ganhar um tempo extra com quem ama, mesmo sabendo do inevitável fim, você o faria? O belíssimo anime Luzes no Céu: Fireworks (Uchiage hanabi, shita kara miru ka? Yoko kara miru ka?, Japão, 2017) busca responder a questão com a história de um jovem casal.

Do diretor Akiyuki Shinbo (Yu Yu Hakusho), o filme animado explora o dilema de Norimichi Shimada, um garoto tímido do ensino médio, que se vê apaixonado pela decidida Nazuna Oikawa, porém, teme abrir o coração para a adolescente, uma vez que seu melhor amigo, Yusuke Azumi, também demonstra interesse por ela. Para saber quem poderá chamar a menina para assistir à queima de fogos de artifício do Templo Moshimo, Norimichi e Yusuke decidem disputar uma prova de natação, sem imaginar os resultados que isso causará a cada um deles.

Fascinada por um pequeno orbe misterioso, Nazuna vive situação difícil na família e planeja fugir de casa, na esperança de levar uma vida melhor numa cidade grande como Tóquio. A exemplo do fenômeno Your Name, há a presença de um elemento místico no enredo, pois, sempre que algo dá errado e Nazuna é frustrada ou magoada, Norimichi descobre que pode voltar um pouco no tempo para proteger a amada e, assim, apreciar sua presença. Neste ponto, é impossível não se comover com os esforços do casal por um final feliz, mesmo que efêmero.

De sabor agridoce, a narrativa – que se desenvolve a partir de aposta boba entre meninos, que especulam se fogos de artifício são planos ou redondos – se faz especial para todos que um dia já estiveram decididos a largar tudo ou a fazer qualquer coisa por amor – ainda mais na adolescência, quando se é mais intenso. Se personagens secundários como Junichi, Kazuhiro e Minoru (amigos de Norimichi e Yusuke) pouco valem registro, Norimichi e Nazuna nos fazem refletir sobre o aquilo que realmente importa e como nem sempre o que é sublime será eterno.

Para manter o clima de romance, Luzes no Céu: Fireworks oferece a canção Forever Friends, de Daoko.

Comentários
Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM e fundador do Boletim Nerd. Foi colaborador da Coluna Mundo Geek, da GloboNews, e foi palestrante na Campus Party Brasil. Realizou a cobertura da Comic Con Experience, Brasil Game Show e Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Comentários estão fechados.