CCXP 2019: Ryan Reynolds diverte público com Esquadrão 6

Ryan Reynolds foi uma das figuras mais participativas nos painéis da CCXP 2019. No sábado (07/12), promoveu o filme Free Guy – Assumindo o Controle e no domingo (08/12), se juntou ao elenco de Esquadrão 6, filme de ação exclusivo da Netflix, que estará disponível no serviço de streaming a partir desta sexta-feira (13/12).

“Tudo que eu digo é que esse filme é o Snyder’s cut. Painel errado? Me desculpa, pessoal, acho melhor vocês assumirem daqui”, disse ele ao restante do elenco, em uma referência à intensiva campanha dos fãs e do elenco para o lançamento da versão de Zack Snyder do filme Liga da Justiça. A piada, obviamente, arrancou gargalhadas da plateia e deixou seus colegas de painel sem ação.

Reynolds também foi bastante elogiado pelos outros atores, pelo seu jeito divertido e a postura atrás das câmeras. “Ele tinha esse jeito de líder e nos protegia, nunca tinha me sentido assim no set antes”, disse Mélanie Laurent (a Shosanna, de Bastardos Inglórios), que interpreta a número Dois no filme.

Ação prática

Do diretor Michael Bay (Transformers), Esquadrão 6 promete muita ação. Pelo menos foi o que pudemos ver no painel, que exibiu a primeira grande sequência do filme, com duração de dez minutos. Contudo, diferente de um Transformers, por exemplo, o longa terá bem mais efeitos práticos e menos computação gráfica.

Isso significa mais trabalho para os dublês e o elenco. “Nós trabalhamos com os Seals da Marinha e eu precisei entrar em forma. Aliás, me exercitar foi o que eu mais fiz nesse filme”, comenta Corey Hawkins, esbanjando simpatia. Hawkins interpreta o número Cinco, atirador de elite do time. “Achei que eu ia logo dar uns tiros quando comecei o treinamento, mas aí eles espalharam cones e eu comecei a correr”, brincou.

Reynolds tomou a palavra novamente para revelar detalhes da trama. “Meu personagem, o número Um, é um homem que, literalmente ganhou um bilhão de dólares e decidiu fazer o que outros não fazem, passando por cima de governos inclusive. Isso porque aconteceu uma tragédia horrível na vida dele”, disse o eterno Deadpool.

No filme, cada membro da equipe recrutado pelo Um tem seu passado totalmente apagado e quando o assunto surgiu no painel, Reynolds voltou a provocar risos nos presentes. “O que eu faria se pudesse apagar algo do meu passado? Tipo, certos filmes?”, divertiu.

Comentários
Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM e fundador do Boletim Nerd. Foi colaborador da Coluna Mundo Geek, da GloboNews, e foi palestrante na Campus Party Brasil. Realizou a cobertura da Comic Con Experience, Brasil Game Show e Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Comentários estão fechados.