Flashpoint: Tudo sobre a estreia da 3ª temporada de The Flash

A tão aguardada estreia da 3ª temporada de The Flash, enfim, aconteceu na TV americana, com a adaptação da minissérie de HQs Ponto de Ignição, publicada originalmente em 2011. Diferente da saga roteirizada por Geoff Johns  (Aquaman: As Profundezas) e ilustrada por Andy Kubert (Batman: Cavaleiro das Trevas III), o episódio Flashpoint (título do arco em inglês) apresenta mudanças expressivas ao universo da série, mas com número reduzido de personagens envolvidos e um cenário menos apocalíptico do que nos gibis.

Situado 3 meses após os eventos da season finale anterior, o capítulo que abre a nova fase de The Flash tem Barry Allen (Grant Gustin, de Glee) levando a vida dos sonhos junto dos pais, Henry (John Wesley Shipp, da série The Flash dos anos 1990) e Nora Allen (Michelle Harrison, de Continuum), depois de ter voltado no tempo para evitar a morte de sua mãe. Entretanto, com isso, o protagonista desencadeia acontecimentos inesperados, como o seu distanciamento de Joe (Jesse L. Martin, de Smash) e Iris West (Candice Patton, de The Game) e o surgimento de novos heróis e vilões.

flashpoint-the-flash-3a-temporada

Em Flashpoint, tudo muda quando Flash decide alterar o passado. (Foto: DC Comics/The CW)

Nesta nova realidade, Barry continua trabalhando como policial forense em Central City e deixa de atuar como o Velocista Escarlate, Cisco Ramon (Carlos Valdes, de Arrow) é um bilionário esnobe dono do S.T.A.R. Labs e Caitlin Snow (Danielle Panabaker, de Justified) trabalha como oftalmologista, e nenhum deles é amigo. Como de costume, a cidade é arena de combate entre meta-humanos, com a perseguição de Kid Flash/Wally West (Keiynan Lonsdale, de Insurgente) ao também velocista The Rival/Edward Clariss (Todd Lasance, de Spartacus) – inimigo de Jay Garrick nas HQs.

Tudo começa a desandar quando Barry Allen passa a sofrer com o esquecimento de fatos de sua vida antes de “Flashpoint” e descobre que, de alguma forma, isso está relacionado ao uso de sua velocidade, além de Wally West, como Kid Flash, ter sido gravemente ferido pelo Rival. Aprisionado em uma cela que bloqueia o seu acesso à Força de Aceleração (Barry o trancafiou para evitar mais tragédias), Flash Reverso/Eobard Thawne (Matt Letscher, de 13 Horas: Os Soldados Secretos de Benghazi) é o único não afetado pelas mudanças geradas pelo Ponto de Ignição, e somente ele é capaz de fazer tudo voltar ao “normal”.

the-rival-flashpoint-the-flash

Nos gibis, a primeira aparição do Flash Rival aconteceu em Flash Comics #104, de 1949. (Foto: DC Comics/The CW)

Levemente inspirado no arco escrito por Geoff Johns, o primeiro capítulo da 3ª temporada de The Flash envolve majoritariamente os personagens já introduzidos ao longo da série, deixando de abordar a guerra entre Aquaman e a Mulher-Maravilha e todas as consequências que esse conflito traz nos quadrinhos.  Por isso (e pelo uso dos grandes heróis da DC Comics no cinema), não entram em cena figuras como Batman/Thomas Wayne, Cyborg, Lanterna Verde e Shazam (ou “Capitão Trovão”) e Lois Lane, ou seja, uma diferença em comparação aos gibis.

Na TV, Flashpoint tem duração de apenas um episódio, para aproveitar a boa estrutura deixada pela 2ª temporada – com o grupo já consolidado com Barry, Cisco, Snow, Iris, Joe West e Harrison Wells (Tom Cavanagh, de Zé Colmeia: O Filme) e as tramas com Wally e Jesse Quick (Violett Beane, de The Leftovers) –, porém, fará modificações pontuais que transformarão a nova realidade da série. E o princípio disso é a presença do Doutor Alquimia e o despertar do Rival.

doutor-alquimia-flashpoint-the-flash

Junto de Savitar e Mestre dos Espelhos, Doutor Alquimia é um dos vilões desta temporada de Flash. (Foto: The CW)

Em breve, devem estrear o antagonista Savitar e o investigador Julian Albert (Tom Felton, o Malfoy de Harry Potter).

Confira aqui quando a 3ª terceira temporada de The Flash chega ao Warner Channel Brasil!

Comentários
Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM e fundador do Boletim Nerd. Foi colaborador da Coluna Mundo Geek, da GloboNews, e foi palestrante na Campus Party Brasil. Realizou a cobertura da Comic Con Experience, Brasil Game Show e Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Comentários estão fechados.