Canal Loading anuncia Gundam 00 na programação e você deveria assistir

Carlos Bazela

A essa altura, você já está sabendo do Loading, o novo canal que estreia na TV aberta por meio do sinal UHF nesta semana. No lugar da antiga MTV, a emissora vem prometendo conteúdo exclusivamente geek, incluindo games e muitos animes, em sua programação. E um deles será Mobile Suit Gundam 00 (se pronuncia double O), que será transmitido dublado.

Transmitida originalmente no Japão entre 2007 e 2009, Gundam 00 faz parte da icônica franquia de mechas, mas não se encaixa cronologicamente nela, sendo uma história à parte. Bem parecido com Gundam Wing, que passou aqui, também dublado, pelo Cartoon Network no início dos anos 2000.

Gundam 00 se passa em 2307, época na qual o petróleo acabou e a humanidade depende da energia solar como recurso natural para sobreviver. Essa energia é obtida por uma rede de painéis em órbita, que estão interligados por grandes elevadores orbitais.

A nova matriz energética reordenou o mundo em três grandes blocos econômicos: a União da Energia Solar e das Nações Livres, ou só “União”; a Liga da Reforma Humana (HRL) e a União Avançada Europeia (AEU). Contudo, mesmo que todas as nações tenham se dividido em três blocos, os conflitos no mundo não cessaram. Eles estão ainda mais acirrados e agora são travados por soldados pilotando robôs gigantes, os Mobile Suits.

Porém, um ultimato promete mudar tudo. Uma força paramilitar misteriosa chamada Celestial Being surge com uma única ordem ao mundo todo: cessem seus conflitos ou iremos intervir. Para bancar a ameaça, eles têm em mãos três Mobile Suits com poder nunca visto antes: os Gundams Exia, Dynames, Virtue e Kyrios, pilotados por homens extremamente comprometidos com o ideal de paz pregado pela organização.

Será isso mesmo? Alguém com muitos recursos simplesmente cansou de tantas guerras ou existe algo mais nos planos da Celestial Being?

Coração por dentro dos Gundams

Um bom motivo para assistir Gundam 00, além das batalhas dos robôs, é a profundidade dos personagens no cockpit ou da equipe que pilota a nave Ptolemayos, que serve de hangar para os Mobile Suits. Todos têm uma razão específica para acreditar na paz pela qual a Celestial Being luta e algumas delas são bem trágicas.

Outro acerto é que nas séries da franquia Gundam, nunca é preto no branco, com times de mocinhos e bandidos. Como em uma guerra real, há muitos interesses em jogo e há heróis e vilões de todos os lados. Com 00 não é diferente, então acompanhamos o conflito da perspectiva da Celestial Being, das outras nações da Terra e do jovem casal de namorados Saji Crossroad e Louise Halevy.

Louise e Saji trazem o elemento humano para a história, ao mostrar como ficam as pessoas normais quando o conflito pode realmente bater na sua porta. E não está só em algum rincão do Leste Europeu ou Oriente Médio.

Universo original

Começar a assistir Gundam é um desafio até para quem já é fã de animes. Com uma cronologia extensa, as séries que se passam no Século Universal (Universal Century ou UC), como Gundam Unicorn – disponível na Netflix – dão a sensação de que há algo mais para ver do que o que está sendo mostrado. E isso é verdade, uma vez que a franquia começou em 1979.

Por isso, o Loading acertou ao trazer uma série aclamada pelos fãs, como 00, mas sem todo o peso de histórias pregressas da franquia. Toda a história de Gundam 00 começa e termina em seus 50 episódios, divididos em duas temporadas. Há ainda o longa The Awakening of the Trailblazer, que revisita o universo da série, dando um desfecho definitivo para a história. Mas, mesmo que a emissora não passe o filme, quem acompanhar o anime do início ao fim não sentirá falta dele.

Até o momento, não há uma data para a estreia de Gundam OO no Loading, mas iremos informar assim que soubermos! Afinal, estamos falando da primeira série a ser transmitida pela TV aberta de uma franquia que se estende e renova por 40 anos. O Loading está disponível no bom e velho canal 32 e nas operadoras de TV por assinatura. Já Gundam 00 está disponível, na íntegra e com legendas, no catálogo do Crunchyroll.

Comentários
Next Post

Black Hammer é uma aula sobre histórias em quadrinhos

Eles são super-heróis, salvaram Spiral City da destruição e sumiram. Pelo menos para todo mundo. A grande verdade é que Black Hammer, Abraham Slam, Menina de Ouro, Barbalien, Talky Walky, Coronel Weird e Madame Libélula estão em uma pacata fazenda, localizada a alguns quilômetros da pequena Rockwood. Nesse lugar, que […]
Black Hammer é uma aula sobre histórias em quadrinhos