MonsterVerse: Warner inicia gravações do novo filme de Godzilla

Depois do lançamento de Kong: A Ilha da Caveira (leia a crítica aqui), a Warner Bros. Pictures confirma o início das filmagens do novo longa de Godzilla, de acordo com o anúncio oficial emitido pelos estúdios. Sequência da produção que chegou aos cinemas em 2014, o próximo capítulo do chamado “MonsterVerse” é dirigido por Michael Dougherty (Krampus: O Terror do Natal) e põe Godzilla contra alguns dos monstros mais conhecidos da história da cultura pop.

Confira a sinopse:

“A nova história acompanha os esforços heroicos da agência criptozoológica Monarch à medida que seus membros combatem uma série de monstros gigantes, incluindo o poderoso Godzilla, que enfrenta Mothra, Rodan e o maior de seus inimigos, o tricéfalo King Ghidorah. Quando estas supercriaturas primitivas – que se acreditava não passarem de mitos – ressurgem, competem pela supremacia, colocando a humanidade em risco.”

O filme de Godzilla que estreia em 2019 é mais um passo na construção do MonsterVerse da Warner. (Foto: Warner)

O filme de Godzilla que estreia em 2019 é mais um passo na construção do MonsterVerse da Warner. (Foto: Warner)

O filme, que tem estreia prevista para março de 2019, traz no elenco Vera Farmiga (Invocação do Mal), Kyle Chandler (O Lobo De Wall Street), Millie Bobby Brown (a Eleven, de Stranger Things), Bradley Whitford (Corra!), Thomas Middleditch (Silicon Valley), Charles Dance (Game of Thrones), O’Shea Jackson Jr. (Straight Outta Compton: A História do N.W.A.), Aisha Hinds (Além da Escuridão: Star Trek) e Zhang Ziyi (O Tigre e o Dragão), além de Ken Watanabe e Sally Hawkins, reprisando seus papéis de Godzilla.

As gravações estão sendo realizadas principalmente em Atlanta, Geórgia (EUA).

Comentários
Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM e fundador do Boletim Nerd. Foi colaborador da Coluna Mundo Geek, da GloboNews, e foi palestrante na Campus Party Brasil. Realizou a cobertura da Comic Con Experience, Brasil Game Show e Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Comentários estão fechados.