Sessão Retrô: Homem-Aranha 2 (2004)

A hora e a vez do Doutor Octopus! Considerado por muitos o melhor filme do Spider-Man, Homem-Aranha 2 chegou aos cinemas em 2004, dando sequência aos ganchos da obra inicial e introduzindo um vilão tão brilhante intelectualmente quanto Peter Parker (Tobey Maguire, de O Grande Gatsby). Desta vez com efeitos especiais ainda melhores, a superprodução dirigida por Sam Raimi (Uma Noite Alucinante: A Morte do Demônio) foca no romance entre Pete e Mary Jane Watson (Kirsten Dunst, de Melancolia) e nos conflitos internos do protagonista.

Esta é a cena mais épica do Homem-Aranha nas telonas. (Foto: Sony)

Esta é a cena mais épica do Homem-Aranha nas telonas. (Foto: Sony)

Com os retornos de Harry Osborn (James Franco, de Planeta dos Macacos: A Origem), Tia May (Rosemary Harris, de Guerra é Guerra!) e J. Jonah Jameson (J.K. Simmons, de Whiplash: Em Busca da Perfeição), as novidades ficam por conta da estreia do Dr. Otto Octavius, interpretado por Alfred Molina (Os Caçadores da Arca Perdida), e pela pequena participação do Doutor Curt Connors (Dylan Baker, de Contos do Dia das Bruxas) – professor da universidade que, nas histórias em quadrinhos da Marvel, assume a forma do antagonista batizado como Lagarto.

Algo dá errado nos experimentos de Otto Octavius e os tentáculos acabam dominando a mente do cientista. (Foto: Sony)

Algo dá errado nos experimentos de Otto Octavius e os tentáculos dominam a mente do cientista. (Foto: Sony)

Depois de narrar as origens do Aracnídeo e sua luta com o Duende Verde, Homem-Aranha 2 mostra como a amizade de Peter Parker e o herdeiro da Oscorp ficou estremecida após a morte de Norman Osborn, e MJ em seu início de carreira como atriz e noiva de John Jameson (Daniel Gillies, de The Originals), o filho astronauta do editor Clarim Diário. Enquanto isso, Parker sofre com sua dupla identidade, que lhe faz manter segredo sobre o que sente por Mary Jane e sobre o falecimento do Tio Ben. Resultado? O Homem-Aranha perde seus superpoderes…

Em certo ponto, Peter Parker decide não ser mais o Homem-Aranha. (Foto: Sony)

Em certo ponto, Peter Parker decide não ser mais o Homem-Aranha. (Foto: Sony)

Como se tudo isso não bastasse, Peter Parker precisa deter o Dr. Octopus, um cientista que, com quatro poderosos tentáculos metálicos, espalha o pânico em Nova York para terminar um perigoso projeto com energia renovável. Levando o Escalador de Paredes ao esforço máximo, Homem-Aranha 2 exibe a clássica cena do Amigo da Vizinhança parando um trem com as próprias mãos (e teias!).

Comentários
Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM e fundador do Boletim Nerd. Foi colaborador da Coluna Mundo Geek, da GloboNews, e foi palestrante na Campus Party Brasil. Realizou a cobertura da Comic Con Experience, Brasil Game Show e Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Comentários estão fechados.