Como o jeito nerd dominou o poker

Quem assistiu o 007: Casino Royale pode ter tido uma impressão errada do que o poker profissional realmente é nos dias atuais. No filme, o primeiro de Daniel Craig na pele de James Bond, o agente secreto joga uma partida memorável contra o vilão Le Chiffre. Como um profissional, Bond consegue utiliza todo seu instinto para derrotar o oponente de maneira clássica em um torneio high stakes. Atualmente, porém, o poker não é dominado por competidores “descolados” como Bond.

Na vida real, por exemplo, Bond provavelmente seria ofuscado nas mesas para Q – o personagem da saga que cuida da parte de informática e acessórios para o agente secreto –, pois o esporte da mente está cada vez mais dominado pelos nerds e os gênios da matemática.

Há várias explicações para essa dominação recente vista nas mesas do poker ao vivo e online. Para entender sobre isso, é preciso voltar um pouco ao tempo e contextualizar a situação.

O poker se tornou massivamente conhecido a partir da década de 1970, quando nos Estados Unidos foi criado o torneio de poker mais importante do mundo: World Series of Poker. O circuito, então, passou a ser transmitido pela gigante ESPN e rapidamente se tornou um sucesso mundial.

Naquela época, porém, o poker era jogado essencialmente nos cassinos e nos clubes especializados para a prática desse esporte da mente. Isso fazia com que pessoas mais velhas e de maior poder aquisitivo jogassem com grande frequência. Consequentemente, o poker era dominado por essas pessoas, que muitas vezes usavam o instinto para vencer partidas.

No início da década de 2000, o poker entrou de vez na onda da internet. Em 2003, o norte-americano Chris Moneymaker escreveu seu nome na história ao vencer uma etapa da World Series of Poker. Na época, ele era apenas um jogador recreativo e que tinha conseguido a vaga no torneio através de uma competição online.

A repercussão do título de Moneymaker foi enorme e impactou o jogo de uma maneira jamais vista. Com a conquista, ele levou para casa US$ 2.5 milhões e a partir disso houve a impressão de que qualquer um que viesse do poker online poderia se tornar um campeão mundial.

A vitória de Moneymaker, um nerd que trabalhava na área da computação, foi o gatilho para o chamado “poker boom”. Em poucos anos, a modalidade se expandiu de maneira avassaladora e ocupou um território bilionário na internet que segue em franca expansão.

Com a popularização do poker disputado na internet, o esporte se tornou altamente acessível. Se no século XX o poker era popular apenas para uma parte pequena da população, o advento da internet fez com que qualquer um com boa conexão online pudesse entrar em um site e jogar.

Dessa maneira, os competidores mais velhos que não se dedicavam tanto à parte analítica passaram a perder espaço para a nova geração de jogadores. Os competidores jovens passaram a estudar a modalidade como nunca antes e criaram novas teorias com o auxílio da matemática como o grande aliado.

Como o poker se trata de um jogo de informação incompleta, a matemática utilizada pelos nerds no poker online logo se tornou uma combinação perfeita que segue rendendo milhões de dólares.

Não é preciso ir longe para entender como o estilo nerd já dominou o poker. David Williams é um grande exemplo. O americano era um profissional campeão do jogo Magic: The Gathering antes de engatar no poker. Finalista de uma etapa principal do World Series of Poker, Williams migrou para as cartas e construiu uma carreira impressionante.

Dono da frase “o poker é para quem sabe pensar”, Williams provou que é possível transitar de Magic: The Gathering para o poker de maneira brilhante e seu currículo fala por si só.

Atualmente, outro grande nerd do poker mundial é Isaac Haxton. Aos 33 anos, o jogador já conquistou vários torneios relevantes. Ex-jogador de Magic: The Gathering, ele tem mais de US$ 23 milhões acumulados na carreira profissional do poker. “Matemática e poker combinam muito. Assim como a psicologia, curso em que sou formado. Esse background me ajudou muito na carreira como jogador”, afirma Haxton.

Liv Boeree, formada em astrofísica e uma das grandes competidoras do poker recente, tem uma frase famosa sobre a dominação dos nerds: “Basta só olhar para o jeito dos melhores jogadores do mundo. São pessoas que concentram suas habilidades na capacidade de interpretar os números e usá-los ao seu favor. Isso faz com que o poker seja dominado pelos nerds”, disse uma vez em uma palestra.

Ainda no ano de 2006, o site Poker King já avisava sobre a crescente chegada dos nerds no poker. “As pessoas que estão acostumadas a jogar Magic e Starcraft estão migrando para o poker, pois eles podem facilmente ganhar do jogador médio devido a sua capacidade de estratégia e o conhecimento das probabilidades. Esses jogadores conseguem bater velhos guerreiros do poker sem muita dificuldade e fazem isso com o entendimento da matemática por trás do jogo.”

Assim como outros esportes, o poker também evoluiu. A parte analítica, os estudos aprofundados e os jogadores que se comprometem a colocar isso em prática fazem parte do crescimento estratégico do esporte. Consequentemente, vários competidores que vieram do poker online, tiveram um background matemático e estudam assiduamente o jogo estão conseguindo bons resultados há tempos e isso não deve mudar tão cedo.

 

Comentários

Comentários estão fechados.