Onde Comprar Quadrinhos em São Paulo: Comic Boom!

Ao caminhar pela esquina das ruas Tijuco Preto e Visconde de Itaboraí, no Tatuapé, zona leste, logo se nota que os super-heróis e muitos outros personagens icônicos da cultura pop e nerd chegaram de vez ao bairro paulistano. É a Comic Boom!, nova loja de histórias em quadrinhos, inaugurada em 28 de janeiro deste ano e que, desde então, vem se tornando ponto de encontro geek. Fundado por Fábio Gracia, designer gráfico, o empreendimento aposta num ambiente jovem, com variedade de produtos ligados ao mundo dos cinemas, TV e gibis e a organização de eventos.

Disponibilizando nas prateleiras os números mais recentes das principais publicações mensais, o espaço não se limita a venda de HQs, uma vez que também oferece toys, card games, pôsteres, camisetas e itens como cadernos e mochilas (com estampas de figuras ilustres). Devido à iniciativa inovadora para a região, o Boletim Nerd esteve na Comic Boom!, estabelecimento apresentado por Fábio Gracia, que contou sobre o início da empreitada, revelou planos para o local e analisou o mercado de quadrinhos.

Com este visual, não dá para errar o endereço da Comic Boom!. (Foto: Henrique Almeida)

Com este visual, não dá para errar o endereço da Comic Boom!. (Foto: Henrique Almeida)

A começar pela fachada, perfeitamente adequada ao projeto e responsável por atrair clientes, Fábio explica que precisou criar algo que identificasse a loja e driblasse o design original do prédio. “Dava a impressão de que era um cartório, ou algo do tipo. Tive que fazer cada adesivo”, conta ele, que, após colar as imagens nas paredes, costuma receber curiosos, tentando adivinhar quais os personagens estão ali retratados. Ou seja, o improviso mostrou-se um acerto. Quanto ao nome Comic Boom!, a inspiração veio do termo “comic book” (usado para designar histórias em quadrinhos, no idioma inglês) e da onomatopeia “boom!” (de frequente utilização nas HQs).

No entanto, além de investir na estética da comic shop, Fábio implantou outras práticas para fidelizar o público, recorrendo a atividades pouco exploradas por boa parte da concorrência. Entre as condutas adotadas estão a manutenção dos preços de capa dos gibis atuais, o cuidado para não inflacionar o custo de coleções fechadas e a disposição de obras antigas a valores de sebo. Deste modo, é possível adquirir as primeiras cinco edições de Sandman, lançadas em 1989, artigos considerados os mais raros do estoque, por uma oferta vantajosa para o bolso.

Há bonecos Pop! das mais diversas franquias. (Foto: Henrique de Almeida Oliveira)

Há bonecos Pop! de sagas como Vingadores: Era de Ultron. (Foto: Henrique Almeida)

Outro trunfo desenvolvido por Fábio é organizar pequenas convenções no espaço, tendo já realizado um encontro entre colecionadores de bonecos Pop!, da Funko, e a reunião (quase “institucionalizada”) de jogadores de Magic e Star Wars X-Wing: Jogo de Miniaturas, sempre às sextas-feiras, quando a Comic Boom! prorroga seu funcionamento até as 22 horas. Conforme Fábio, a ideia é sediar oficinas e lançamentos de produções de artistas brasileiros e firmar parcerias com foodtrucks para os dias de maior movimentação.

Aproveitando-se da agitação do Tatuapé, bairro que abriga complexos comerciais e escolas, assim o proprietário do estabelecimento começa a criar clientela, mas o trabalho não é fácil. “Conseguir números atrasados é um problema”, comenta Fábio, que passa por uma dificuldade comum entre comic shops, devido ao planejamento disfuncional das distribuidoras. Por outro lado, o rapaz já compreendeu a importância das histórias japonesas no mercado. “Perderia uns 40% do público se não vendesse mangás”, estima, pois as publicações são muito procuradas pelos jovens e estão garantidas no acervo.

Fã das HQs Justiceiro – Ano Um, As Fabulosas Aventuras dos Freak Brothers e Batman – O Cavaleiro das Trevas, o designer gráfico é um dos autores da webcomic intitulada Major Brazuca, uma paródia do Capitão América, de conotação política e social, adaptada ao Brasil. Não apenas por isso, Fábio pretende comercializar e receber quadrinistas independentes.

Fábio Gracia exibe alguns dos encadernados à venda na Comic Boom!. (Foto: Henrique Almeida)

Fábio Gracia exibe alguns dos encadernados à venda na Comic Boom!. (Foto: Henrique Almeida)

Ao aproximar artistas nacionais do público, atender a busca por materiais relacionados aos populares super-heróis e agrupar colecionadores e jogadores de diferentes modalidades, a Comic Boom! deve consolidar-se como um reduto nerd na zona leste.

Serviço

Endereço: Rua Tijuco Preto, 361, Tatuapé, São Paulo

Funcionamento: das 10h às 19h, de segunda a sábado.

(lembrando que, às sextas-feiras, o expediente vai até 22h)

Telefone: (11) 3589-8084

Comentários
Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM e fundador do Boletim Nerd. Foi colaborador da Coluna Mundo Geek, da GloboNews, e foi palestrante na Campus Party Brasil. Realizou a cobertura da Comic Con Experience, Brasil Game Show e Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Comentários estão fechados.