Brightburn – Filho das Trevas surpreende com Superman às avessas

Ele veio de outro planeta ainda bebê e, ao longo de sua infância em uma fazenda no Kansas (EUA), descobriu possuir habilidades sobre-humanas. Poderia ser o Superman, mas não é. Brightburn – Filho das Trevas (Brightburn, EUA, 2019) é o novo projeto de James Gunn (Guardiões da Galáxia) – na produção –, que aposta em elementos de terror para contar a origem de um herói (ou melhor, vilão). No Brasil, o filme estreia nesta quinta-feira (23/05) nos cinemas.

Dirigido por David Yarovesky (A Colmeia), o longa, com roteiro assinado por BrianMark Gunn (dupla de Viagem 2: A Ilha Misteriosa), nos apresenta a Brandon Breyer (Jackson A. Dunn, de Shameless), um garoto de 12 anos, adotado por Kyle (David Denman, de Power Rangers) e Tori Breyer (Elizabeth Banks, de Jogos Vorazes). No entanto, logo ao atingir o início da adolescência, o menino começa a manifestar superpoderes e grande inclinação para o mal.

Brandon Breyer vai se descobrindo um legítimo vilão. (Foto: Sony Pictures)

O enredo de Brightburn – Filho das Trevas especula o que aconteceria se uma das histórias em quadrinhos mais populares de todos os tempos seguisse direção diferente – os fãs mais atentos perceberão semelhanças propositais com a saga de Super-Homem. Sendo assim, vemos uma pacata cidade do interior do Texas sendo assombrada por uma criatura invencível, capaz de causar momentos de horror e suspense, sem poupar sua família e amigos de escola.

Embora às vezes se apoie em espelhos e luzes piscando para assustar, o longa não deixa a tensão diminuir mesmo em nas cenas mais rotineiras e destaca-se ao explorar os poderes de seu protagonista para criar momentos de pura agonia (em três ocasiões). A proposta de (literalmente) voar para longe do óbvio é mantida até o fim e, justamente por isso, podemos esperar que Brightburn – Filho das Trevas retorne às telonas para uma eventual continuação.

Fique para as cenas que acompanham os créditos finais, pois é lá que Michael Rooker (Guardiões da Galáxia Vol. 2) faz uma divertida participação.

Comentários
Henrique Almeida

Henrique Almeida

Jornalista formado pela FIAM e fundador do Boletim Nerd. Foi colaborador da Coluna Mundo Geek, da GloboNews, e foi palestrante na Campus Party Brasil. Realizou a cobertura da Comic Con Experience, Brasil Game Show e Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Comentários estão fechados.